Voando contra a captura e abate ilegal de aves

Voando contra a captura e abate ilegal de aves

Saving Birds é um projeto que pretende explorar o uso de um drone para procurar armadilhas ou redes.

Todos os anos, desaparecem milhares de aves dos bosques, campos e charcos portugueses. Os motivos podem ser vários, desde a captura através de armadilhas ou o abate ilegal. Um novo projeto, o Saving Birds, lançado pela Sociedade Portuguesa para o Estudos das Aves (SPEA), no dia 1 de junho, poderá ajudar no combate a este flagelo. Uma das formas, entre outras ações mais convencionais, é o uso de um drone que procurará armadilhas ou redes.

Desde 2014 que a SPEA tem vindo a desenvolver campanhas de sensibilização desta temática, com a ajuda de alguns doadores privados. O Saving Birds terá a duração de 1 ano, e é co-financiado pela BirdLife International.

Este projeto pretende ainda colaborar com o SEPNA/GNR, através de ações de formação que ajudem os operacionais a identificar as diferentes espécies de aves. Visa ainda capacitar ONGs e voluntários para detetarem casos de captura e abate ilegal de aves, e para os encaminharem para as autoridades competentes.

Para saber mais informações pode consultar a SPEA.

Artigos relacionados

Águia-perdigueira é a Ave do Ano 2018

A águia-perdigueira (também conhecida por águia-de-bonelli), a mais pequena e discreta das três grandes águias que ocorrem em Portugal, é a Ave do Ano 2018.

Tem animais e vive sozinho? Um cartão pode fazer a diferença!

Veja a nossa sugestão de cartão para quem vive sozinho e tem um animal de estimação. Em caso de acidente pode fazer a diferença!

Tempo de mudar! Resoluções de Ano Novo

Comece bem este Novo Ano seguindo estas 9 Resoluções que vão melhorar a sua relação com o seu cãopanheiro! Desejamos a todos um excelente 2017!