Museu do Oriente dá as boas-vindas ao Ano do Cão

Museu do Oriente dá as boas-vindas ao Ano do Cão

O Ano Novo Chinês celebra-se a 16 de fevereiro e, para dar as boas-vindas ao Ano do Cão, o Museu do Oriente organiza visitas temáticas e oficinas para todas as idades, entre 16 e 24 de fevereiro.

“Um novo ano lunar” é uma visita às colecções do Museu com enfoque na cultura tradicional chinesa, no dia 16, às 19h00. No dia seguinte, 17 de fevereiro, às 16h00, a visita é dedicada à Ópera Chinesa para conhecer “Os quatro tipos de personagens da Ópera Chinesa”.

Também no dia 17, mas de manhã às 11h30, miúdos e graúdos são convidados a participar na oficina “Uma festa de lanternas!” em que, metendo mãos-à-obra, vão aprender a construir as suas próprias lanternas, tão típicas das comemorações de ano novo. A partir das 15h00, o desafio é aprender a fazer “Recortes de Papel”, uma arte milenar chinesa à qual se recorre para ornamentar as casas por altura do ano novo, auspiciando sorte e prosperidade.

Vestir roupa nova, decorar a casa, receber pequenos envelopes vermelhos e comer deliciosas iguarias, são algumas formas de comemorar esta época do ano. No domingo, 18 de fevereiro, a oficina para toda a família “Celebrando o Ano Novo Chinês!” dá a conhecer algumas destas tradições e a possibilidade de nelas participar.

A semana de festividades termina no sábado, 24 de fevereiro, com a oficina “Procurando dragões” que junta pais e filhos, avós e netos, e todos quantos queiram percorrer as galerias do museu em busca destas misteriosas criaturas com corpos de escamas serpenteantes.

Link do evento no Facebook no Museu do Oriente.

Artigos relacionados

Ordem dos Médicos Veterinários ajuda a repovoar com animais zonas afetadas pelos incêndios na região centro

No próximo dia 16 de fevereiro, a Ordem dos Médicos Veterinários estará em Pedrógão Grande para celebrar um protocolo com a Câmara Municipal e as Juntas de Freguesia da região.

Monchique | Animais retirados da zona do incêndio estão ser alimentados

Os animais que foram retirados das zonas afetadas pelo incêndio de Monchique estão a ser alimentados e a receberem cuidados, garantidos pela Câmara Municipal.

Homem coloca vida em risco para salvar gato em autoestrada de Hong Kong

Em Hong Kong, um homem chamado Kwok Kin Wai colocou a sua vida em risco para salvar um gatinho em plena autoestrada… e resultou.