“Monstros do Rio” reproduzem-se no Fluviário de Mora

“Monstros do Rio” reproduzem-se no Fluviário de Mora

O Fluviário de Mora tem novos habitantes desde julho e agosto. O aquário "Monstros do Rio", que alberga espécies de maior porte, foi maternidade para 10 carpas juvenis cujas mães têm mais de 20 kg.

Desde agosto que se avista agora juvenis desta espécie - Cyprinus carpio - e, neste momento, os exemplares têm 15 cm de comprimento e mantêm-se unidos entre a vegetação do aquário para a sua sobrevivência. 

O espaço "Monstro do Rio" alberga 18 exemplares gigantes, de Cyprinus carpio (carpas), Luciobarbo bocagei (barbos) e exemplares da família a Acipenser sp. (esturjão).

Ao fim de nove anos, por onde passaram mais de 750 mil visitantes, crianças, famílias, escolas e outros grupos, o Fluviário de Mora continua a inovar e a renovar-se como a maior e mais reconhecida instituição em Portugal, e também na Europa, de divulgação do maravilhoso mundo dos Rios e dos Lagos. Com mais de 500 exemplares de 65 espécies, continua a valer a pena visitar e revisitar o Fluviário de Mora.

Artigos relacionados

Açores | Canil da Ilha Terceira lança campanha

O Canil Intermunicipal da Ilha Terceira está a promover uma campanha de adoção dirigida aos residentes do concelho de Angra do Heroísmo, na qual oferece, conforme seja cão ou gato, a esterilização, microchip e vacina da raiva.

Incêndios: Recolha de animais selvagens aumenta no Centro de Castelo Branco

O Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Castelo Branco (CERAS) recebeu nas últimas semanas, em consequência dos incêndios florestais, mais de 90 animais, estando 50 internados atualmente, informou hoje a associação Quercus.

Turquia | Gato interrompe programa televisivo

Gato interrompe programa de televisão na Turquia e encontra um novo lar!