“Monstros do Rio” reproduzem-se no Fluviário de Mora

“Monstros do Rio” reproduzem-se no Fluviário de Mora

O Fluviário de Mora tem novos habitantes desde julho e agosto. O aquário "Monstros do Rio", que alberga espécies de maior porte, foi maternidade para 10 carpas juvenis cujas mães têm mais de 20 kg.

Desde agosto que se avista agora juvenis desta espécie - Cyprinus carpio - e, neste momento, os exemplares têm 15 cm de comprimento e mantêm-se unidos entre a vegetação do aquário para a sua sobrevivência. 

O espaço "Monstro do Rio" alberga 18 exemplares gigantes, de Cyprinus carpio (carpas), Luciobarbo bocagei (barbos) e exemplares da família a Acipenser sp. (esturjão).

Ao fim de nove anos, por onde passaram mais de 750 mil visitantes, crianças, famílias, escolas e outros grupos, o Fluviário de Mora continua a inovar e a renovar-se como a maior e mais reconhecida instituição em Portugal, e também na Europa, de divulgação do maravilhoso mundo dos Rios e dos Lagos. Com mais de 500 exemplares de 65 espécies, continua a valer a pena visitar e revisitar o Fluviário de Mora.

Artigos relacionados

Dono perdeu tanto peso que o seu cão precisou de o cheirar para o reconhecer

Um cão chamado Willie não via o seu dono há 5 semanas e, quando o voltou a ver, não acreditava que era mesmo ele!






Provedor dos Animais de Lisboa será remunerado e escolhido pela Assembleia Municipal

Em abril , a anterior provedora dos Animais de Lisboa, Inês Sousa Real, renunciou ao cargo que exerceu de forma não remunerada desde novembro de 2014 devido à falta de meios.






Colocados mais 6 abrigos para animais de rua em Sintra

A Junta de Freguesia de Agualva e Mira Sintra colocou mais seis abrigos para animais silvestres, para substituir abrigos improvisados para colónias já existentes.