Já planeou as férias do seu gato?

Já planeou as férias do seu gato?

Quando partimos de férias, três cenários se colocam aos nossos gatos: vão connosco, ficam em casa ao cuidado de uma cat sitter ou vão para um hotel para gatos.

Qualquer das opções é válida, mas deve ser escolhida a que melhor se adaptada à sua situação. Vamos ver os prós e contras de cada uma.

 

1Levar o gato de férias
Esta pode ser uma excelente opção em caso de casa própria. O gato vai acabar por conhecer este novo território e com a continuação deixa de estranhar. Neste caso apenas deve acautelar alguns aspetos.
Por exemplo, se na casa de férias o gato vai ter acesso ao exterior, deve falar com o seu médico veterinário para adaptar o protocolo vacinal e de desparasitação, bem como considerar a identificação do gato com microchip. Tenha sempre um contato de um médico veterinário da localidade para onde vai.

 

2Deixar o gato em casa
Para o seu gato esta pode ser a melhor das opções, mas deve acautelar alguns aspetos:
» A sua confiança na cat sitter deve ser absoluta, se for uma pessoa “desconhecida” peça sempre referências;
» Prefira um cuidador com experiência com gatos e alerte para as idiossincrasias do seu gato, como por exemplo, “só bebe água da torneira”;
» Se o seu gato é do tipo “melga”, gosta de festas e de interagir com pessoas mesmo que estranhas, deve solicitar uma ida diária a sua casa, mas se o seu gato é do tipo “não gosto de confusão” a ida “dia sim, dia não” pode ser suficiente;
» Antes de partir deixe uns mimos novos, como um novo arranhador e/ou um novo brinquedo.

 

3Deixar o gato num hotel para gatosBanner-Cães_hotel
Privilegie os hotéis felinos que têm assistência veterinária. Visite sempre o gatil antes de deixar o seu gato. Apareça sem avisar, avalie a higiene do espaço e o conforto e tranquilidade dos gatos. Os gatos devem estar alojados individualmente.
É essencial que o seu gato tenha as vacinas atualizadas, realizadas de preferência um mês antes. Não se esqueça de levar objetos de casa como umas mantas e um arranhador.
Lembre-se de reservar com antecedência.

 

Duas dicas!
» Para facilitar as alturas de maior stress para os gatos, como a mudança de casa, use feromonas sintéticas, quer em spray quer em difusor.
» Existem “calmantes” naturais, que sob supervisão do seu médico veterinário, podem ser uma ajuda na altura das férias.

Por: Maria João Dinis da Fonseca, Médica Veterinária
Hospital do Gato

ARTIGOS RELACIONADOS
Dicas | Escolher um Hotel Canino e/ou Felino
Férias | Deixe o seu animal em casa com um pet sitter

Artigos relacionados

The Dog Show | A paixão pelos cães e… pela fotografia!

Alexander Khokhlov e Veronica Ershova são um casal de fotográfos que adoram cães… Decidiram juntar estas duas paixões e eis o resultado!

8 de agosto | Dia Internacional do Gato

No “Dia Internacional do Gato” partilhamos 7 dicas para o ajudar a lidar ainda melhor com os seus amigos felinos e aprender as melhores formas de promover o seu bem-estar e saúde.

Canábis medicinal está a chegar aos animais de companhia!

Em alguns estados americanos o uso de canábis medicinal parece ser uma das soluções procuradas por quem tem animais de companhia.