Crocodilo apedrejado até à morte em Jardim Zoológico da Tunísia

Crocodilo apedrejado até à morte em Jardim Zoológico da Tunísia

Um crocodilo de um Jardim Zoológico na Tunísia foi apedrejado até à morte por, ao que tudo indica, um grupo de visitantes. A denúncia foi feita pela Câmara Municipal de Tunes, na Tunísia, que publicou no sua conta do Facebook várias fotografias do incidente que mostram o animal ensanguentado, já morto.

Este grupo de visitantes terá atingido o crocodilo na cabeça, com muitas pedras, o que lhe causou uma hemorragia interna, segundo avançou a Câmara na publicação.

Este ataque terá ocorrido na quarta-feira da semana passada, 1 de março.”É terrível, não se consegue imaginar o que os animais sofrem com alguns visitantes”, confessou, à Fox News, o veterinário Amor Ennaifer, que confirmou o sucedido, assim com o responsável do Jardim Zoológico à Agência France-Presse.

O veterinário revelou ainda que é habitual os visitantes atirarem pedras aos hipopótamos e aos leões.

Artigos relacionados

Lucy: a cadela especial que nasceu com uma ‘selfie’ na orelha

O seu nome é Lucy e tem nada mais, nada menos do que… o formato do seu focinho na sua orelha esquerda. Pode parecer estranho, mas é mesmo real.

Quencey: o coelho que é o companheiro ideal para viagens e caminhadas

No Alasca, uma rapariga encontrou a companhia perfeita para as suas aventuras: um coelhinho branco.

Homem proibido de ter animais de estimação após abandonar cão à beira da estrada

Um homem, Paul James, foi proibido de ter animais de estimação devido ao facto de ter abandonado o seu cão Max à beira da estrada, enrolado num tapete.