Crocodilo apedrejado até à morte em Jardim Zoológico da Tunísia

Crocodilo apedrejado até à morte em Jardim Zoológico da Tunísia

Um crocodilo de um Jardim Zoológico na Tunísia foi apedrejado até à morte por, ao que tudo indica, um grupo de visitantes. A denúncia foi feita pela Câmara Municipal de Tunes, na Tunísia, que publicou no sua conta do Facebook várias fotografias do incidente que mostram o animal ensanguentado, já morto.

Este grupo de visitantes terá atingido o crocodilo na cabeça, com muitas pedras, o que lhe causou uma hemorragia interna, segundo avançou a Câmara na publicação.

Este ataque terá ocorrido na quarta-feira da semana passada, 1 de março.”É terrível, não se consegue imaginar o que os animais sofrem com alguns visitantes”, confessou, à Fox News, o veterinário Amor Ennaifer, que confirmou o sucedido, assim com o responsável do Jardim Zoológico à Agência France-Presse.

O veterinário revelou ainda que é habitual os visitantes atirarem pedras aos hipopótamos e aos leões.

Artigos relacionados

Apresentação do Dog Trail Madeira

Decorreu no espaço da FNAC Madeira a apresentação oficial do evento Dog Trail Madeira, que irá realizar-se no dia 11 de junho (domingo) no recinto do Montado do Pereiro.

2º fim-de-semana do Banco Solidário Animal

No primeiro fim-de-semana do Banco Solidário Animal foram angariadas mais de 109 toneladas de ração para cão e gato. Ainda pode entregar a sua contribuição nos dias 13 e 14 de maio nas lojas Continente e Continente Bom Dia.

Hospital de Faro pioneiro no uso de Cães de Terapia

A Unidade de Faro do Centro Hospitalar do Algarve iniciou um projeto pioneiro em Portugal na área da neuropediatria com recurso a terapias assistidas com animais.