Cadela salva família das chamas em Pedrógão Grande

Carlota Joaquina Serpa Pinto foi salva pela sua cadela durante o trágico incêndio que matou dezenas de pessoas em Pedrógão Grande. A história foi partilhada pela habitante na sua página de Facebook, revelando que a sua cadela, Giovanna, não parou de ladrar até acordar a dona e a sua mãe, às quatro da madrugada.

A cozinha estava cheia de fumo e a casa da vizinha a arder. Com a ajuda de todos, chamaram os bombeiros, que demoraram cerca de meia hora a chegar, segundo contou Carlota Pinto. “Ninguém se magoou, apenas ‘engolimos’ fumo”, escreveu.

 

ARTIGOS RELACIONADOS
Como pode ajudar os animais afetados pelo incêndio
Houve um cão que sobreviveu ao trágico incêndio de Pedrógão Grande
Colaboração da OMV às populações afetadas pelos incêndios

Artigos relacionados

951 Bulldog Inglês desfilam no México para bater recorde do Guinness

As ruas da cidade do México acolheram este domingo uma tentativa de reunir o maior número de exemplares da raça Bulldog Inglês numa caminhada.

Sem-abrigo acaba detido pela PSP após agredir cães em Lisboa

Um homem sem-abrigo, de 33 anos, foi detido pela PSP na sequência de ter agredido violentamente os dois cães que o acompanhavam diariamente na Baixa de Lisboa.

EUA | Cão abandonado pelos donos à porta de igreja é salvo pelos funcionários

Os funcionários da igreja encontraram-no, já com pulgas, sarna e bastante subnutrido, e chamaram de imediato Zach Skow, fundador da organização de resgate Marley’s Mutts Dog Rescue.