Retriever do Labrador

Retriever do Labrador

CLIQUE-AQUIO Retriever do Labrador é um cão polivalente, excelente no campo, competente como cão de assistência e ótimo cão de família. As suas origens estão ligadas à caça, pelas suas capacidades de cobro, em terra e na água, mas a sua popularidade tem crescido como cão de família.

É um cão fortemente constituído e musculado sem apresentar excesso de peso ou substância, para que se mova com agilidade. O tamanho ideal no macho, na cernelha, é de 56 a 57 cm, já a fêmea deve ter entre 54 e 56 cm. Os olhos castanho-escuro ou avelã, devem expressar a sua inteligência e bom temperamento. A cauda é de tamanho médio, muito grossa na base, afinando gradualmente até à ponta, conhecida como “cauda de lontra”.

"O Retriever do Labrador pode ter três cores de pelagem: inteiramente preta, amarela ou castanha. A amarela é a mais comum, desde um tom de creme claro a vermelho raposa. É permitida uma pequena mancha branca na zona do peito. A sua pelagem é forte, densa e curta sem ondulações ou franjas, capaz de suportar as mais frias e geladas águas, com a ajuda do subpelo cria um conjunto à prova de água."

É um cão dócil, de caráter pacífico. Um ótimo cão de família, em especial com crianças e idosos. Não é por natureza um cão de guarda, tem uma propensão natural para ir ter com as pessoas, mesmo com as que não conhece e fazer-lhes uma festa.

Disciplinado e responsável, são lhe atribuídas funções muito exigentes, como por exemplo, de cão guia e de cão de busca e salvamento, entre outras funções em que é necessário utilizar o seu excecional faro, como por exemplo, na deteção de explosivos ou mesmo estupefacientes.

É um cão cheio de energia, mas não deve fazer excesso de exercício durante o primeiro ano para não interferir no seu desenvolvimento. Em adulto, precisa de espaço e exercício, mas o mais importante é a companhia dos donos, seja em vivenda ou apartamento. Precisa de ser estimulado física e mentalmente, e de ter brinquedos adequados. Gosta de jogos de cobro e que envolvam água. Guloso, tem tendência para engordar, sobretudo se tiver falta de atividade. Garantir 30 minutos de exercício diário é o mínimo, além disso só pode ser divertido para o dono e para o cão.

CC231    CCP_241_Capa

Saiba mais sobre esta raça na revista “Cães & Companhia” nº231 – Agosto 2016
Saiba mais sobre esta raça na revista “Cães & Companhia” nº241 – Junho 2017

Artigos relacionados

Pinscher Miniatura

Curioso, brincalhão, audaz e impetuoso, o Pinscher Miniatura é um agradável cão de família e de companhia.






Cocker Spaniel Inglês

A popularidade do Cocker Spaniel Inglês como cão de companhia deve-se a várias razões, duas delas é a sua personalidade e o tamanho.






Barbado da Terceira

Originário da ilha Terceira, nos Açores, o Barbado da Terceira é um cão de pastoreio de gado bovino, muito abundante na ilha, sendo atualmente, e cada vez mais, um cão de família.