Ordem dos Médicos Veterinários assinala o Dia Mundial do Animal

No próximo dia 4 de outubro, vários hospitais, clínicas e consultórios veterinários de todo o país vão abrir as suas portas e receber a 2ª edição do Open Day.

Uma iniciativa da Ordem dos Médicos Veterinários (OMV) que convida empresas, escolas, estudantes e a população em geral a conhecer de perto o dia-a-dia de um médico veterinário e as suas diferentes áreas de atuação, numa partilha de experiências e conhecimento.

Este ano a Direção Geral do Ensino (DGE) associa-se a esta iniciativa, promovendo a participação dos alunos dos diferentes agrupamentos escolares nas  várias áreas, nomeadamente no que se refere à saúde e bem-estar animal.

Para assinalar esta data em que se comemora o Dia Mundial do Animal e do Médico Veterinário, bem como o 27º aniversário da Ordem dos Médicos Veterinários, a OMV convida toda a população a participar na 2ª edição do Open Day. Para além das entidades aderentes, também a sede da Ordem dos Médicos Veterinários e as respetivas delegações regionais poderão ser visitadas.

A iniciativa dá continuidade ao sucesso do ano passado que reuniu mais de 360 participantes e espera superar as expectativas nesta 2ª edição. Para participar, basta submeter a inscrição até ao dia 1 de outubro para o email  openday@omv.pt  com o nome e indicação do local a visitar. As entidades aderentes podem ser conhecidas no site da OMV, em https://www.omv.pt/open-day-2018.

Artigos relacionados

V. N. Gaia lança Campanha “Alguns amores ainda são para toda a vida”

A Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia lança Campanha de sensibilização contra o abandono de animais e a favor da adoção.

Rapaz faz “cadeira de rodas” para peixe que sofre de doença

Derek, um rapaz que trabalha numa loja de animais em San António, nos Estados Unidos, criou uma espécie de “cadeira de rodas” para um peixe dourado que sofre de uma doença na barbatana.

Compra & venda de animais

No dia 5 de junho entrou plenamente em vigor a Lei que regula a compra e venda de animais de companhia em estabelecimentos comerciais e através da Internet e que proíbe a venda de animais selvagens online.