Molly, a cadela que mudou de sexo

Uma cadela foi submetida a uma intervenção cirúrgica de mudança de sexo na Escócia. Foi batizada de Molly, é de raça Jack Russell Terrier e tinha órgãos sexuais femininos, mas parte do seu aparelho reprodutor era masculino, tendo sido diagnosticada pelo veterinário com hermafroditismo.

Os donos da cadela acharam estranho o facto de a Molly levantar sempre a pata para urinar. Por isso, a Molly fez uma cirurgia e tornou-se na segunda cadela a ser submetida a uma operação de mudança de sexo na Escócia em 10 anos.

A intervenção cirúrgica da Molly decorreu em junho de 2016 no Hospital Roundhouse da Pets’n’Vets Family, na cidade de Glasgow. A cadela ficou sem a genitália feminina e, hoje, com 18 meses, Mary e Frank, um casal escocês, diz ser um cão mais feliz.

Os donos admitiram ainda que pensaram em alterar o nome da Molly para Olly, mas ao ‘Dauly Mail’ confessaram que “ela seria sempre Molly para nós”.

Artigos relacionados

Projeto educativo “Eu Cuido. Um mundo melhor para os animais”

O projeto educativo “Eu Cuido. Um mundo melhor para os animais” chegou às escolas com o objetivo de educar e sensibilizar as crianças do 1º Ciclo do Ensino Básico para temas relacionados com os comportamentos, saúde e bem-estar, regras de interação e o papel dos animais de estimação na sociedade.

Mar Shopping Matosinhos acolhe “Quinta” Pedagógica e MARcadinho

Recriação de espaço rural para crianças e mercado tradicional a partir de 1 de agosto.

OutSystems doa 5.000 euros à União Zoófila

Aliando as boas práticas de saúde e a responsabilidade social, a OutSystems lançou um desafio aos seus colaboradores no Natal passado e como resultado doou 5.000 euros à União Zoófila.