Lisboa | JF Alvalade coloca armadilhas contra a lagarta do pinheiro

A Junta de Freguesia de Alvalade, em Lisboa, promoveu a colocação de armadilhas iscadas destinadas ao combate à processionária do pinheiro. Esta operação teve início nas árvores localizadas junto às escolas da freguesia e foi depois alargada a outros pontos do território, incluindo ao Parque José Gomes Ferreira.

As referidas armadilhas possuem no seu interior uma feromona sexual que funciona como um isco, atraindo as borboletas macho da processionária do pinheiro. Ao capturar-se o macho na armadilha evita-se o seu acasalamento com várias fêmeas e, consequentemente, a postura de milhares de ovos.

Ao longo do ano, a Junta de Freguesia recorre a vários métodos de controlo da lagarta do pinheiro, sendo constante o trabalho de monitorização da situação, por questões de saúde pública.

Artigos relacionados

Rússia | Extermínio de animais de rua por causa do Mundial de Futebol

A poucos meses do início do Mundial de futebol de 2018, na Rússia, um deputado russo denunciou a matança de milhares de cães que vivem nas ruas das cidades que vão sediar o torneio.

Brasil | Rita Lee visita abrigo de animais do Instituto Luísa Mell

Rita Lee, cantora brasileira, visitou o abrigo de animais do Instituto Luísa Mell, em São Paulo, Brasil, e conheceu pela primeira vez a sua sede esta terça-feira. 

Gata desaparece na Califórnia e aparece quase quatro anos depois no Canadá

Foi no sul do Canadá, a mais de quatro mil quilómetros de casa, que a gata malhada apareceu, depois de a sua dona Ashley Aleman já ter perdido a esperança de a encontrar.