O gato Jimmy foi encontrado pelos donos passados quase 3 anos

O gato Jimmy foi encontrado pelos donos passados quase 3 anos

Foi a 13 de setembro de 2014 que Susan Zelitsky perdeu o seu gato, em New Jersey, nos Estados Unidos. Mas, quase três anos depois, o Jimmy apareceu. À ABC News, a dona contou toda a história do desaparecimento.

“Ele estava num local coberto, mas deixávamos o Jimmy sair connosco para ir visitar os vizinhos. Passeava e andava com o cão, ia para os vizinhos, mas ficava sempre dentro dos limites da nossa casa. Voltava sempre todas as noites, mas naquela não voltou. Não sabia se ele tinha entrado num carro ou se alguém o tinha levado. Liguei logo para a polícia, afixámos cartazes, mas nada. Estava tão triste”, explicou Zelitsky.

No entanto, a 19 de março deste ano, a dona estava ligada ao Facebook quando se deparou com um focinho familiar na página da West Milford Animal-Shelter, uma associação de abrigo de animais que fica a cerca de 16 quilómetros de sua casa. Zelitsky ligou para a associação e, na manhã do dia seguinte, deslocou-se até lá com o seu vizinho. Era mesmo o Jimmy, que até reconheceu o cheiro do marido da sua dona através da almofada.

“Nós sabíamos que era ele e ele sabia que éramos nós, foi incrível”, disse, emocionada, Susan Zelitsky, que telefonou logo ao seu marido a contar a novidade. Ele também foi até à associação e rapidamente tiveram a certeza de que aquela era uma história com um final feliz.

Artigos relacionados

Partilhe uma foto do seu cão/gato e ganhe 1 ano de alimento

Este verão… divirta-se com o teu animal de estimação e ganhe 1 ano de alimento, é o desafio da Royal Canin. Participe até 15 de setembro!

Dose extra de comida ou a presença dos donos? Cães não resistem e escolhem a primeira

Esta é a conclusão de um estudo publicado este mês na revista Animal Cognition, durante o qual os cães não esconderam um olhar de “cachorrinho mimado” quando foram postos à prova.

GNR já formou 126 Detentores de Cães Perigosos e Potencialmente Perigosos

A Guarda Nacional Republicana formou mais 22 Detentores de Cães Perigosos e Potencialmente Perigosos nos distritos de Setúbal e Lisboa, em dois cursos de Formação, nos dias 12 e 14 de junho.