O gato e a árvore de Natal

O gato e a árvore de Natal

Nesta época a nossa casa passa por várias alterações de decoração, rotinas, amigos e família que ficam por uns dias, todas estas alterações podem representar stress para o seu gato. E está declarada guerra à árvore de Natal…

A árvore de Natal pode ser natural ou sintética, mas tenha sempre em consideração que esta será o novo arranhador que o seu gato irá trepar com todo o entusiasmo.

Vá introduzindo este novo elemento de forma faseada. De início coloque só a árvore e deixe o seu gato conhece-la, depois então pode introduzir bolas, fitas e outros enfeites que queira usar.

Opte por uma decoração mais simples e segura, todos os enfeites que tenham movimento representam uma atração irresistível.

Ter gatos e árvore de Natal vai ser desafiante, mas não puna o seu gato (com um borrifador ou fechando a porta da divisão onde está a árvore) quando este procurar trepar a árvore, ele só está a fazer o que lhe é natural.

Árvore de Natal
» Tenha cuidado com o que pode ser ingerido, se o pinheiro for natural as agulhas são perigosas se ingeridas, ou podem causar lesões nos olhos;
» Tenha cuidado com os fios, fitas e cordas, que podem acabar por ser ingeridos;
» Não use enfeites que se possam partir;
» Evite deixar as luzes da árvore ligadas sem a sua supervisão;
» A neve artificial pode ser tóxica para os gatos quando ingerida.

Neste Natal, mesmo que a árvore de Natal venha ao chão, ou que o gato apareça em cima da mesa na Consoada, lembre-se que ele só quer conhecer e aproveitar cada momento ao seu lado. Temos a certeza que esta quadra é mais feliz na companhia do seu amigo felino!

Artigos relacionados

Fotografias com Gatos e… Comida!

A ilustradora Ksenia adora gatos, fotografia e confeções gastronómicas. O resultado? Uma página de Instagram que conta já com mais de 88.000 seguidores.

Luto por animais e idas ao veterinário devem ser faltas justificadas?

A Provedora dos Animais de Lisboa entregou esta semana um parecer à Câmara Municipal de Lisboa (CML) no qual defende que os funcionários que têm de prestar cuidados veterinários aos seus animais de companhia devem ter as faltas justificadas. 

DIY | 4 ideias para reciclar a sua roupa num agasalho para cão!

Projetos fáceis e rápidos de executar, com os quais pode criar diferentes indumentárias para o seu cão ou para doar a uma Associação de proteção animal.