China | Pensava que era um cão que estava a levar para casa… mas afinal era um urso

Há muitas pessoas que adotam animais de estimação, mas neste caso tudo não passou de um (grande) equívoco. Segundo avança o jornal South China Morning Post, um homem que vive na província chinesa de Yunnan encontrou uma cria de um urso preto e levou-a para casa, pensando que era… um cão.

À medida que o urso foi crescendo, o homem foi achando estranho o desenvolvimento do animal e até as suas próprias feições, tendo depois percebido que se tratava de um urso.

Quando se apercebeu da situação, o homem prendeu o animal numa jaula e manteve-o fechado e alimentado durante três anos. Só depois a polícia descobriu o que se estava a passar, tendo também em conta que os ursos pretos são uma espécie em risco na China. O homem foi obrigado a entregar o animal.

Artigos relacionados

Projeto “Eu Cuido. Um mundo melhor para os animais”

O projeto educativo “Eu Cuido. Um mundo melhor para os animais”, destinado a alunos do primeiro ciclo, arranca a 4 de outubro, Dia Mundial do Animal, em Lisboa e no Porto, para sensibilizar as crianças para temas relacionados com os animais de estimação.

Grupo de ativistas salva mais de mil animais da morte no Festival de Carne de Cão

Um grupo de ativistas salvou mais de mil animais de serem mortos no Festival de Carne de Cão, que todos os anos mata, na China, mais de 20 milhões de cães e de quatro milhões de gatos para consumo humano.

Mais 92 elementos na Proteção da Natureza e Ambiente

92 militares concluíram o 16º Curso de Proteção da Natureza e Ambiente para Guardas, os quais vão reforçar os núcleos do Serviço de Proteção da Natureza e Ambiente (SEPNA) dos Comandos Territoriais.