Bombeiros de Valongo resgatam cães soterrados

Ao início da tarde do dia 1 de janeiro a Equipa Cinotécnica dos Bombeiros de Valongo foi accionada para um Salvamento Animal. Luís Tavares (21 anos) e Pedro Batista (39 anos), ambos voluntários nesta unidade especializada no salvamento de pessoas e animais, foram os operacionais que efetuaram este resgate.

Os dois cães de caça perseguiram um coelho até a uma mina situada na Sobreira, em Paredes. Ficando enclausurados numa galeria da mina (com cerca de 600 metros de comprimento), após um deslizamento de terras no seu interior, que tapou a saída.

O dono procurou os cães durante 5 dias, conseguindo localizá-los pelos latidos. Foram então chamados os Bombeiros de Cete, mas perante o cenário foi acionada a Equipa Cinotécnica dos Bombeiros de Valongo. Após ser efectuada uma análise pormenorizada ao interior da galeria e à sua segurança foi efectuada a abertura de acessos até junto dos cães.

O resgate demorou 5 horas, durante as quais abriram o acesso e rastejaram no interior da mina até aos animais, mas no final os dois cães foram entregues ao seu proprietário.

Fonte: Equipa Cinotécnica dos Bombeiros de Valongo

Artigos relacionados

EUA | Três homens arrastam tubarão a alta velocidade e são acusados de crueldade animal

Três homens norte-americanos surgiram num vídeo a arrastar um tubarão preso a uma lancha e são agora acusados de crueldade animal.

Exercícios Operacionais de Busca e Salvamento em Sintra

Organizado pela Associação Resgate Cinotécnico, com a colaboração dos Bombeiros Voluntários de Colares, irá realizar-se de 28 a 30 de setembro os 6º Exercícios Operacionais de Busca e Salvamento de Sintra, com cerca de 70 participantes de várias equipas de busca e salvamento caninas oficiais e civis ibéricas.

Milhafre-real envenenado foi recuperado e será devolvido à Natureza

Será devolvido à natureza o único sobrevivente de 14 animais silvestres vítimas do maior caso de envenenamento identificado na Zona de Proteção Especial de Castro Verde.