Armas de fogo apreendidas por maus-tratos a animal

O Comando Territorial de Porto, através do Posto Territorial de Marco de Canaveses, no dia 30 de abril, apreendeu duas caçadeiras de calibre 12, no âmbito de um crime por maus-tratos a animais de companhia, naquela localidade.

O suspeito, na noite do dia 29 de abril, ouviu o ladrar dos seus canídeos, tendo-se deslocando ao exterior da sua residência com uma arma de fogo, tendo supostamente efetuado um disparo no intuito de afugentar o animal que se encontrava na via pública, acabando por o atingir mortalmente.

Os militares, deslocaram-se de imediato ao local tendo identificado o autor do disparo, um homem de 47 anos, e apreendido as armas de fogo.

Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Marco de Canaveses.

Fonte: Guarda Nacional Republicana

Artigos relacionados

Inspirar o futuro do setor veterinário

A inovação é indispensável para continuar a avançar no setor veterinário. Como tal, dia 25 de outubro, a Royal Canin realiza uma sessão de business talks for vet sob o mote “Inspirando o futuro”.

Arara aguarda regresso de ciclista italiano que faleceu enquanto treinava

Michele Scarponi, ciclista italiano, morreu em Filottrano, Itália, depois de ter sido atropelado no passado sábado, 22 de abril, enquanto treinava perto de casa.

ZU abre no Colombo com secção de alimentação Natural

A ZU abriu mais uma loja, desta vez no Centro Comercial Colombo, em Lisboa, de forma a consolidar assim a sua posição como uma das cadeias dedicadas aos animais de